Do Porto com Amor: Faz golo, pequeno D!

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Faz golo, pequeno D!




O pequeno D não foi embora. 

O pequeno D foi jogar para fora, no seu sonho de menino, para um campeonato tão distante e inalcançável como sereno e perfeito. 

Nessa liga onde tudo é alegria, ninguém perde e todos ganham, onde o público se mistura com os jogadores e com eles se reveza em turnos de semi-eternidade. 

O estádio é um maravilhoso infinito de paixão e compaixão, onde todos têm a sua oportunidade de brilhar para sempre.

A lesão foi terrível. A luta pela recuperação ainda mais. Mas é com a certeza de que tudo (e mais ainda) fizeram pelo seu pequeno D que a J e o P o vêm chegar à liga das estrelas, onde só os mais puros e belos podem entrar. 

Não tardará a que o pequeno D pise pela primeira vez esse relvado de amor e ternura, incentivado pelas mais doces memórias de todos os que o conhecem.

Agora é a tua vez, pequeno D.

Vai, faz a finta, tabela connosco e chuta! Faz golo, pequeno D!

Cá estaremos, sempre a torcer por ti, até ao dia em que nos voltarmos a encontrar e a celebrar juntos mais um golo do nosso Porto.



Para a J e para o P, com todo o Amor

Lápis Azul e Branco



8 comentários:

  1. Os meus sentimentos.

    Abraço e muita força.

    Desculpa, até gelei.

    ResponderEliminar
  2. Que seja um Kostadinov nos relvados que pisar.
    Abraço

    ResponderEliminar

  3. os meus respeitosos sentimentos.

    abr@ço (solidário na Dor)
    Miguel | Tomo III

    ResponderEliminar
  4. Meus amigos,
    Apesar de nenhumas palavras ajudarem neste momento, espero que estas, de alguma forma, vos possam confortar. Que tenham a força e coragem para, juntos, ultrapassarem este triste momento. Que as memórias do "pequeno" Grande D, vos ajudem. Porque, juntamente com o amor, essas serão imortais. Grande abraço

    ResponderEliminar
  5. Os anjos são eternos. Espero ser merecedor de vir a festejar muitos golos contigo, pequeno (grande) D!

    ResponderEliminar
  6. Grande abraço de força e coragem.
    A vida é dura e há momentos que nos fazem pensar muito .... porquê... para quê...
    é nestes momentos que tens de honrar a memória de quem amas sendo aquilo que sabes que eles gostariam que fosses.... forte.
    Eles só morrem quando não houver ninguém que se lembre deles e que pronuncie o nome deles.... não o deixes morrer
    A tua dôr é também minha....

    Abraço

    ResponderEliminar
  7. Eu olho para as estrelas e vejo tantas almas que sofreram em terra ,mas que finalmente encontraram a luz e não digam que é fácil..., porque não é.... :( mas eu sei que lutaste... que lutei...., mas chegaste ao caminho para o qual desejaste voar e eu deixei... deixei porque sabia que só assim ficarias livre da dor... VOA, VOA , um dia vou voar e ter contigo... <3

    ResponderEliminar
  8. Não sou crente...
    E como tal não posso nem aceito que se diga que foi um designio de um deus qualquer. Apenas e só a p... da vida, que nos gela o sangue, dinamita-nos por dentro, nos faz prova de algo que jamais deveriamos provar!
    Eu sei quanto sofres amigo, também eu passei pelo mesmo, por isso digo que toda e qualquer palavra é desnecessária.
    Só nós cá dentro de nós sabemos que o único conforto a que nos podemos dar, é lutar pelos que ainda estão a nosso lado.
    O meu maior respeito pelos teus sentimentos.

    ResponderEliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.