Do Porto com Amor: Easy Riders

sábado, 23 de setembro de 2017

Easy Riders


Ora viva, meus caros leitores, uma boa noite para todos - para ser mais exacto, continuação de uma.

Sim, porque a nossa noite começou lindamente, garantindo-se mais uma vitória rumo ao objectivo principal nesta temporada. O adversário de ocasião, o brioso Portimonense SC, cumpriu a palavra do seu técnico Vítor Oliveira (um abraço de estima, meu caro) e veio ao Dragão disputar os três pontos.


Catarina Morais / Kapta +

E até começou bem, apesar da nossa entrada voluntariosa. Conseguiu contrariar grande parte dos nossos intuitos e ainda espreitou o golo durante o primeiro quarto de hora de jogo. O que aconteceu depois, foi a primazia da estatística, que nos sugere que em cada dez jogos em casa contra um adversário teoricamente inferior, ganharemos nove... e meio.

Foi Ricardo quem deu o mote aos 15 minutos, com um remate rasteiro cruzado que passou a milímetros do poste, mas teve de ser o capitão Marcano a desbravar território de golo até então intocado, após um canto de Telles mal defendido.

Foi o início de um tornado de futebol ofensivo, curto mas muito intenso, que culminou com mais dois golos - um a cada três (!) minutos. Primeiro, Aboubakar (mas só na recarga...), depois, Marega, que picou a bola sobre o GR com um toque de classe (!!) após boa assistência de Corona.

À meia hora, o jogo parecia decidido e controlado. Só que o Portimonense não desistiu e conseguiu mesmo reduzir num grande lance individual do japonês Shoya Nakajima. Belo golo, sem dúvida...

Até ao intervalo, o jogo foi mais morno, com os nossos a tentarem assimilar o tiro no porta-aviões. No regresso, mentalidade renovada e de novo para cima deles. Não foi imediato, mas em crescendo. Uma brisa aqui, uma rajada acolá e enfim, novo tornado. Uma dessas rajadas valeu mesmo o 4-1 a Brahimi, que assinou a sua melhor exibição da temporada (das duas últimas temporadas, digo eu).

Estava novamente dado o tiro de partida para uns bons minutos de futebol vivo, rápido, com propósito e esclarecido. Sim, deu gosto ver o Porto jogar hoje! Quantas vezes podemos dizer isto de peito feito? (Silva, dispenso a tua resposta, obrigado)

O corolário foi novo golo, o quinto, com Brahimi a bisar na melhor combinação ofensiva do encontro. Por contar, ficam os mais que poderiam ter entrado.

Única nota negativa, o segundo golo sofrido. Se no primeiro há grande mérito ofensivo, neste havia gente a nanar antes do tempo. Um golo sofrido nos Arcos, dois agora em casa... vamos estancar a ferida por aqui, ok?

Ficou a sensação de termos feito o trabalho importante demasiado cedo, para igualmente cedo começarmos a pensar em ir estourar os proventos no Casino de Monte Carlo. Aconteceu que o adversário tinha outra ideia, mas, felizmente, soubemos compreendê-la e voltar à carga para que a coisa se fizesse sem sobressalto. Agora sim, rumo a New Orl... perdão, Mónaco. Born to be wi...nners. Easy does it.

Sete jogos, sete vitórias. Perfeito.



Notas DPcA 


Dia de jogo: 22/09/2017, 20h30, Estádio do Dragão, FC Porto - Portimonense SC (5-2)


Casillas (6): Dois golos encaixados sem nada poder fazer para o impedir. Lembro-me de uma boa defesa em cada parte, nada mais. Noite ingrata, que nitidamente o agastou. Aguenta e no llora...

Ricardo (6): Eventualmente, o elo menos forte. Pouco inspirado, apesar do esforço e alguma desconcentração a espaços. Ainda assim, jogo positivo.

Alex Telles (7): Queria fazer mais e melhor e à custa disso foi deixando transparecer algum desespero. Não vale a pena: quem joga assim, acabará por fazer golos e (continuar a fazer) assistências. Importante mesmo é manter a concentração.

Marcano (7): Muito bem atrás e ainda abriu o marcador. Pena ser um dos "réus" no segundo sofrido. Em todo o caso, exemplo de capitão.

Felipe (6): Bem melhor do que vinha sendo habitual, pese um ou outro desacerto. No primeiro golo, fica mal na foto, mas há que relevar o mérito do adversário. Já no segundo, reparte "culpas" com Marcano. É este o caminho, mas com calma...

< 75' Danilo (7): Sim, sim o "velho" Danilo está em vias de regressar... hoje já deu ares. Que seja no Mónaco... ou em Alvalade.

Herrera (8): ***AVISO: CONTEÚDO CHOCANTE*** O jovem Héctor regressou em grande plano, cotando-se como um dos melhores em campo. Pouco foi o que fez mal (só me lembro de uma Herrerice) e muito o que fez bem. Mais importante, soube estar em campo a agir como um (bom) jogador de futebol, em cada momento do jogo. Até cabeceou ao poste e tudo. Ai, se fosse para durar... ***FIM DE AVISO***

< 66' FuerzaMexico (7): Também alguns furos acima da sua "média" desta temporada, com mais objectividade e uma bela assistência. Sim, que pode (e deve) render ainda mais, mas... antes para cima do que para baixo. E Força México!


Catarina Morais / Kapta +


Melhor em Campo Brahimi (8): Hesitei entre ele e Marega para a distinção, mas talvez embalado pelo Mar Azul, deixei-me ir onda... e sem arrependimentos. Ambos estiverem em muito bom plano, mas Brahimi bisou e jogou bem, realmente bem, conseguindo um princípio, meio e fim para grande parte das suas intervenções - o que é (ainda?) muito raro! Brravô, mais dois joguitos assim, por favor. E depois se verá.

< 75' Aboubakar (7): Vá lá, conseguiu marcar. A sério, começa(va) a desesperar-me, ele e os seus falhanços... que os teve, novamente, mas... marcou. E lutou, como sempre.

Marega (8): Continua na sua quimera, aparentemente imparável, de ser um dos jogadores mais valiosos desta equipa. Um golo como ainda não lhe tinha visto e uma assistência oportuna, entre muitas corridas flanco abaixo... e acima, também. Precioso.

> 66' Óliver (6): Gostei muito do sinal que (me parece) SC deu ao elegê-lo como primeira opção para entrar, tendo sido de novo preterido no onze. Não teve oportunidade para corresponder como desejaria, mas mostrou que há coisas que só ele pode dar à equipa. E sim, funcionou bem o meio campo a três, no pouco tempo que durou a experiência.

> 75' Soares (5): Queria muito dizer que entrou e deixou a sua marca, mas não posso. A mim, não marcou. Terá tentado, porque o faz sempre, mas sem sucesso. O banco parece ser a sua nova casa para os tempos que se seguem... até que deixe de o ser (vem aí o Sporting, amigo Tiquinho...).

> 75' Diego Reyes (6): Estreia absoluta na temporada, logo numa posição que, não sendo a sua, não lhe é de todo estranha. Rendeu Danilo e esteve à altura. Ok.

Sérgio Conceição (8): A vitória "exigia-se" neste jogo, em casa e frente a um adversário que luta(rá) pela permanência. Por ela, não será credor de grandes loas. Já pela forma como foi conseguida, em especial durante os vendavais de futebol que passaram pelo Dragão em ambas as partes e durante largos minutos, são merecidos vários encómios. O mais relevante, é a tal evolução no jogo colectivo, numa espécie de regresso à pré-época naquele futebol de tabela curta e progressão, capaz de empolgar qualquer estádio; também significativo foi constatar a passagem por vários sistemas durante a partida, incluindo... o 4-3-3. Durou pouco, mas valeu. Assim, até eu - um típico adepto - consigo ver evolução. Demorou, mas chegou. Que seja para manter.


Outros Intervenientes:


Como já devem ter deduzido, sou um admirador de Vítor Oliveira. Um homem íntegro e que percebe muito de futebol - para mim, chega para me tornar fã. Trouxe o seu Portimonense de modo a disputar o jogo, quase o conseguia, não fossem algumas pequenas traições e a grande inspiração do adversário. Destaque óbvio para o pequeno japonês Nakajima e também para Paulinho, ambos muito mexidos e com sentido de baliza.

Nota: se não houver nada de mais grave a marcá-la, esta será a Liga dos Paulinhos. Mas haverá algum regulamento desconhecido que obrigue cada equipa a ter um? Braga, Chaves, Portimonense... quem mais? Quem mais? A sério, vamos lá cooperar... um fica Paulo, outro Paulito, outro Paulão e enfim, um que se aguente Paulinho. A sério...


Quanto à arbitragem de Luís Ferreira e equipa, alguns erros disciplinares e uma ou outra má avaliação dos lances, mas sem influência alguma no desfecho final. Nota positiva.


No que toca ao campeonato, estamos como queríamos: chegaremos a Alvalade com o pleno de vitórias e pontos. Se eles também o conseguirão, veremos mais logo. O nosso trabalho está feito.

Pese todo o interesse e importância desse clássico, pelo meio há Liga dos Campeões. Sim, seria melhor que não, mas... mais vale ir ao perigoso mas acessível Mónaco do que receber o Barça, certo? Lá estarei, se tudo correr bem. Por agora, é sentar na poltrona e ver o que os outros vão fazer. Feels good...



Do Porto com Amor,

Lápis Azul e Branco



27 comentários:

  1. E eu tenho a culpa de ter sempre gosto em ver o Porto jogar? Incha!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é culpa, é boa-aventurança, já dizia o Filho do Senhor :-)

      Eliminar
  2. Finalmente Sergio Conceição acerta no onze.
    Com os melhores pode-se ganhar e ter bom futebol.
    Ainda bem que Otavio e André André estavam tocados, senão...

    Então era este Fernando Gomes a alternativa?!?!!! Sim senhor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que está feliz com a equipa, parece-me ser uma estreia :-)

      Sempre disse que FG tem outros objectivos que não passam por Portugal. E está bem à vista.

      Eliminar
    2. Não fui eu que me queixei dum plantel curto. Se tiver memória, deve lembrar-se que escrevi que quem se dá ao luxo de deixar 5 internacionais titularíssimos das mais variadas selecções, no banco, tem que ter forçosamente o melhor plantel do campeonato!
      Poderá não ser verdade. Mas, não tenho dúvidas que se colocar a jogar os melhores e não os mais queridinhos dos jornais que gostam muito de nós e de alguns adeptos, temos de longe o melhor 11 a jogar em Portugal. Sem rotundas.

      Pois as ambições de Fernando Gomes.:)))) E as de Vitor "Good Sense" Baía, serão as mesmas? Não acredito que pretendia a implosão da SAD para lá colocar o gajo que paga páginas na Bola!:)))

      Eliminar
    3. O Anonimo quando se refere a "rotundas" esta-se a referir as muitas vezes que o Oliver tira 1-2 adversarios da frente e abre espacos para os companheiros dando uma volta em torno de si proprio? Presumo que prefira o estilo "vou para cima deles e perco a bola metade das vezes que tento fintar alguem" de outros centrocampistas...

      Eliminar
    4. Não sei se o Pancas vê os jogos no Dragão e se não está a confundir algum programa do Luis de Matos com os jogos do F. C. do Porto. Oliver tirar adversários do caminho, só se for com os olhos. Talvez por isso numa época inteira apenas consiga 3 assistências. Prefiro sem dúvida esse tal centrocampista que acha muito mau, que tem o nome de Brahimi e que por acaso, acho que é de muito longe o melhor jogador do campeonato. Esse sim, arrisca, desequilibra, imprime velocidade e tem como objectivo a baliza adversária e não a do Casillas. Além do mais não estende passadeiras vermelhas para os adversários, não se esconde a maior parte do jogo, nem deixa Danilo em situações de 1 para 4.

      Eliminar
    5. O Anonimo deve ver jogos como le comentarios - porque a ideia de que o Oliver nao tira adversarios do caminho ou se esconde e equivalente a ideia de que eu me referi ao Brahimi!!! Onde e que o Brahimi e para aqui chamado?

      O Anonimo acha que o futebol e como o beisebol em que as estatisticas dizem tudo, por isso a historia das 3 assistencias. Porque nao ha visao para perceber que quem fez o passe para o jogador que faz a assistencia tb merece credito e nao ha visao para perceber que o jogador que roda sobre si a espera que o colega seja melhor posicionado antes de lhe passar a bola esta a jogar como deve de ser...

      Eu tenho problemas e com jogadores que nao tem tecnica nenhuma mas que acham que fazem bem em tentar fintar, seja o Danilo, o Andre2, o Filipe... cruzes!

      Deixar o Danilo 1 para 4 - Porra, no primeiro golo do Portimonense ele estava 4 para 1 e conseguiu fazer bosta, imagine-se a derrocada de golos que sofreriamos se ele se apanhasse 1 para 4. Logo o Danilo que passa o jogo escondido debaixo das saias dos centrais e o Oliver e que "se esconde do jogo". LOL

      Eliminar
    6. Não sou maluquinho da estatística, mas considero uma ferramenta importante para melhorar a qualidade de jogo. Tal não impede, que seja dificil entender que Casillas numa época, tenha mais assistências, que o suposto médio criativo.
      Se refere "vou para cima deles e perco a bola metade das vezes", no plantel do Porto só há 2 jogadores que arriscam o um para um, dois ou três. Como um deles não joga frequentemente, só resta Brahimi, não lhe parece?
      O Pancas diz que é um observador atento aos pormenores e refere que o Danilo se esconde debaixo das saias dos centrais! Efectivamente na época passada o Danilo encostava muitas vezes aos mesmos e isso valeu sermos uma das defesas menos batidas da Europa. Com o SC joga mais subido. Espero não o ver escrever que os centrais são medíocres e que a culpa é da SAD por não termos contratado o Hummels.
      Mesmo o Pancas é capaz de apontar 2 ou 3 grandes jogos do Danilo.
      Aponte-me um grande jogo do Oliver? (Não valem os bons 35 minutos da pré-época com os juniores mexicanos, onde teve;tempo, espaço e jovens muito tenrinhos do outro lado: Com tudo isso, mesmo Sérgio Oliveira, parece um sobre-dotado).

      Eliminar
    7. Em relacao aos centrais, ao contrario de muitos adeptos que desancavam no Marcano e o achavam terrivel desde que chegou, eu dizia que era dos senao o melhor central do Porto. Ate neste blog ha dois anos vai encontrar isso enquanto eu tentava convencer o Lapis que ele era bem melhor do que se dizia. O Filipe ja e outra historia...
      Eu gosto muito da teoria de que eramos das defesas menos batidas da Europa como sendo uma grande qualificacao da valia dos nossos defesas. Mas o Anonimo tem duvidas que, mesmo com os jogadores que temos eu a treinador conseguia chegar ao fim do nosso campeonato so com 4 ou 5 golos sofridos? Bastava copiar o NES - punha um ou dois avancados a mama e proibia o resto da equipa de passar o meio campo - queria ver quantos golos sofriamos!!! E provavelmente conseguia fazer o mesmo com um Rio Ave ou um Portimonense - claro que tb acabava com 5 ou 6 golos marcados, mas o que interessa e ser a melhor defesa, nao?

      Claro que eu sou capaz de apontar 2 ou 3 bons jogos do Danilo (em epocas passadas, nenhum esta epoca). E do Herrera, e do Filipe e do Hernani. Nao ha quase nenhum jogador que nao tenha uns poucos jogos bons. Mas eu estou mais interessado em jogadores para os quais jogos bons sao a norma e o que eu posso e apontar 2 ou 3 jogos maus. Oliver, Brahimi, Casillas, Marcano sao dessa qualidade. Eu ainda nao vi um jogo do Oliver desta epoca em que ele nao tivesse jogado bem. Passes de qualidade, ajustar o ritmo ao que o jogo pede, abrir espacos para colegas, recuperar bolas.

      E se se quer basear em estatisticas entao vejamos apos 7 jornadas:

      Oliver - 427 min - 0 golos - 4 assist - 33 recuperacoes - 1 golo contra
      Danilo - 614 min - 1 golo - 0 assist - 46 recuperacoes - 3 golos contra

      Onde esta o Oliver que descreve que nao faz assistencias e nao ajuda a defender?

      Eliminar
    8. Caro Pancas, mande-me esses DVDs, também pode ser em cassetes VHS, pois o video ainda deve funcionar, desses bons jogos do Oliver!

      O Pancas sabe que não é verdade, colocar onze marmelos no nosso meio campo, para não sofrer golos. A prova foi Munique com o treslocado do Lopetegui. Até o Quaresma era o 2º defesa direito e viemos de lá com um saco cheio. E preciso muito mais que tudo a monte e muita fé.

      Eliminar
    9. Confirma-se, Porto competitivo sem rotundas e ...hoje dou-lhe razão. Exceptuando o remate no 1º golo, não gostei nada do Danilo.

      Eliminar
    10. Isto deve ser como os trolls funcionam na Bluegosfera - vao mandando bitaites e quando alguem os prova errados, ignoram o que estavam a dizer antes e passam logo depressa a outros argumentos.
      Que tal o Anonimo responder as estatisticas que mostrei e explicar onde esta o tal Oliver que descreve?

      O Anonimo esta mesmo a comparar jogar contra o Bayern em Munique com jogar contra os oponentes do campeonato portugues? Porque o sermos "uma das melhores defesas da Europa" no ano passado nao foi contra Bayerns...

      Basta ver qq jogo do Oliver este ano... tudo jogos bons dele.

      Eliminar
    11. Pancas, ler o treinador das gajas que tem um blog, também não faz de qualquer leitor um treinador. Acha mesmo que a sua lenga lenga convence alguèm?
      Que estatisticas é que o Pancas expõe? O que eu sei é que o rotundas faz uma época completa e soma 3 assistências. Que mais quer da inoperância do moço? Quer confirmar melhor? Pois então, não joga com o Portimonense, não joga com o Mónaco e hellas....fazemos as melhores exibições de há muito tempo a esta parte. Quer melhor que isso? Mais, Besiktas e Mónaco. Veja a diferença, apenas por não estarmos dependentes da inspiraçáo ou amuos do menino.
      Eu sei, o seu conhecimento profundo do fenómeno futebolistico, garantiria com toda a certeza que se o Soares jogasse no lugar do Marega, perderíamos menos bolas , defenderíamos melhor e que o Herrera.....(treta habitual). Seria mesmo assim? As certezas da Maya são mais no canal da treta.
      Jogar com o Bayern não é a mesma coisa que jogar no campeonato português. Pois não, E com o Mónaco? Ou é daqueles que também acha que é uma espécie de Rio Ave e que nos estendeu uma passadeira.Esquece-se que venceram um campeonato derrotando os poços de petróleo do Qatar e que é dirigido por um dos treinadores da moda? Ah e tal...tivemos sorte, os astros alinharam-se todos e nada disto volta a repetir-se ou o futebol é bem mais simples do que os complicadores o fazem?

      Eliminar
    12. La esta o Anonimo a por palavras na minha boca... Mas onde e que eu disse que o Monaco era um adversario facil? Como e logico, foi uma grande vitoria sobre um clube forte. Mas nao achei que fosse uma exibicao por ai alem - o resultado foi bem melhor que a exibicao na minha opiniao. E apesar de nao ter sido preponderante, a sorte (neste caso a estrelinha) sorriu para nos, ja que tivesse o Monaco marcado o primeiro golo naquele remate to Falcao logo ao inicio e teria sido uma historia muito diferente.

      Mas vamos la ver:

      "ler o treinador das gajas que tem um blog" - ficamos portanto a saber que o Anonimo acha que ser treinador, especialmente se for de gajas nao vale nada em termos de ter conhecimento futebolistico. O que vale mesmo e ser adepto e de preferencia nao tentar aprender de ninguem que realmente tenha experiencia pratica do ramo!

      "não joga com o Portimonense, não joga com o Mónaco e hellas....fazemos as melhores exibições de há muito tempo a esta parte. Quer melhor que isso? Mais, Besiktas e Mónaco" - Ja que o Oliver jogou 45min contra o Besiktas e 30min com o Portimonense ficamos a saber que o maximo problema entre essas duas exibicoes foi os 15min de diferenca que o Oliver esteve em campo!!! Obrigado Anonimo, realmente eu nao teria chegado a essa conclusao sem a sua experiencia. Ate acho que mais vale por o Oliver a treinar na B porque como o Anonimo demonstrou o Oliver e o culpado de todas as coisas mas no nosso clube.

      "o seu conhecimento profundo do fenómeno futebolistico, garantiria com toda a certeza que se o Soares jogasse no lugar do Marega, perderíamos menos bolas" - Ficamos todos a saber que para o Anonimo, o facto do Marega perder mais bolas durante o jogo que qualquer outro jogador, incluindo o Soares (facto mais que comprovado por todas as estatisticas e qq pessoa que veja jogos) nao tem qualquer implicacao no futuro e logo qq tentativa de prever o futuro vale o mesmo que a Maya. No proximo capitulo o Anonimo vai demonstrar que se nos tivessemos o Cristiano Ronaldo e o Messi em vez do Abou e Marega nao faria diferenca nenhuma porque seria futurologia prever que jogassemos melhor!

      "Que estatisticas é que o Pancas expõe?" - Eu exponho-as outra vez entao:
      Oliver - 427 min - 0 golos - 4 assist - 33 recuperacoes - 1 golo contra
      Danilo - 614 min - 1 golo - 0 assist - 46 recuperacoes - 3 golos contra
      Mas ficamos a saber pela grandiosidade de conhecimento do Anonimo que estatisticas destas nao significam nada e que a unica maneira que ha de saber a valia de um jogador e comparar jogos com equipas diferentes em que um jogador joga ou nao, ignorando completamente se outros jogadores mudaram, se o sistema de jogo mudou, etc.

      Por fim devemos esperar a melhor conclusao do Anonimo, seguindo o raciocinio acima:
      O Sergio Oliveira e de longe o melhor jogador do Porto, ja que na unica vez que jogou fizemos o melhor resultado.

      Eliminar
    13. Está boa e animada a conversa, mas e que tal mudar para o post seguinte, hein?
      Já estão a falar do jogo do Mónaco e já :-)

      Eliminar
    14. "o resultado foi bem melhor que a exibicao na minha opiniao. E apesar de nao ter sido preponderante, a sorte (neste caso a estrelinha) sorriu para nos, ja que tivesse o Monaco marcado o primeiro golo naquele remate to Falcao logo ao inicio e teria sido uma historia muito diferente."

      Perfeitamente elucidado com a aprendizagem do Pancas junto de conhecedores com prática na matéria. Tudo se resumiu à sorte e à estrelinha. Sérgio Conceição e os jogadores. Poderemos aferir que se mantivessemos Peseiro que tem imensa prática seríamos imbatíveis...com um pouquinho de sorte e estrelinha. :))

      "Besiktas e Mónaco" - Ja que o Oliver jogou 45min contra o Besiktas "
      Claro que jogou. De tal forma, que Sérgio Conceição, agradado com a sua exibição, o substituiu com receio que cansasse os colegas com o maravilhoso futebol que estava a demonstrar. Rotatividade dir-me-á. Deve ser coisa de entendidos.
      Já agora, quem substituiria na B. Varela?!!!Deveras?

      "o facto do Marega perder mais bolas durante o jogo que qualquer outro jogador, incluindo o Soares (facto mais que comprovado por todas as estatisticas e qq pessoa que veja jogos) nao tem qualquer implicacao no futuro e logo qq tentativa de prever o futuro vale o mesmo que a Maya."

      Segundo o Pancas, a utilização de Marega é um erro crasso do treinador (ele ainda é novo, tem de perdoar-lhe essas pequenas coisas) pois com a inclusão de Soares em detrimento do Maliano, o rendimento do F. C. do Porto subiria exponencialmente. Não tenho realmente capacidade para ter essa visão de Kasparov e de previsão só ao alcance de eleitos.

      A estatistica o que me diz é que nume época inteira o médio criativo do F. C. do Porto, fez 3 assistências, 5670 abanões graciosos do rabiote, 6761 passagens da mão pelo cabelo e... 2º lugar no campeonato. Eu não tenho pretensões a ser o Azenha, que domina tudo o que se relaciona com a modalidade, desde estatisticas a esquemas tácticos e nem sei onde está a praticar toda a sua bagagem de conhecimentos. Eu quero é o meu clube a ganhar e de preferência com bom futebol.

      Sobre o último parágrafo, se o conhecesse, mandava-o.... aí mesmo. Como não o conheço, saudações desportivas.



      Eliminar
    15. Pancas disse "apesar de nao ter sido preponderante, a sorte (neste caso a estrelinha) sorriu para nos"

      Anonimo disse "Perfeitamente elucidado com a aprendizagem do Pancas junto de conhecedores com prática na matéria. Tudo se resumiu à sorte e à estrelinha."

      Basta olhar para estas frases para perceber que o Anonimo nao esta aqui para discutir futebol, aprender (como todos tentamos) ou sequer ser honesto. So esta aqui para distorcer o que outros comentadores dizem e ficar com a sua ideia sem qq hipotese de mudanca. Onde eu vivo chamamos a essas pessoas "Trump supporters". Assim como com eles, nao me digno a continuar uma conversa nestes termos.

      Eliminar
  3. Pois é caro Lápis, com o patinho feio Herrera o FC PORTO tem dinâmicas mais assertivas e o Danilo deixa de estar em má forma. Com o "Hector Miguel" a estrada não tem... rotundas!
    Claro que não é um fora-de-série senão a esta hora já não estaria no FC PORTO.

    P.S. Não tenho nada contra o Oliver. Acho até que o rapaz ainda tem muito por onde crescer, mas quando não joga, não sei porquê, deve ser defeito meu... ver nele um Sérgio Oliveira!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem nos dera que este fosse o verdadeiro Herrera. O problema é que a experiência nos diz que dura apenas alguns jogos esta clarividência. Esperemos para ver... Se ele muda a sua história.

      Não pode haver intocáveis, se não está a render, um jogador deve dar lugar a outro. O problema é não haver alternativas... Herrera não tem nada a ver com Óliver, obriga a equipa a jogar de maneira diferente. E eu... Ainda tenho fé no Sérgio Oliveira...

      Eliminar
    2. Eu gostei do HH (e todos sabem que nunca fui apreciador) - alias para mim era titular, a unica diferenca era que seria em vez do Danilo e nao do Oliver.

      Entao o Felizberto diz que o Danilo deixa de estar em ma forma? Gostava de perceber porque acha que jogou melhor neste jogo que antes. No primeiro golo, como no geral, o Danilo recuou a passo e nao estava la para fechar a zona em frente aos centrais como e o seu dever, logo o japones ficou com autoestrada para correr. Ja que nao serve para construir (alguem que me corrija se o Danilo esteve envolvido em ALGUMA das dezenas de jogadas para golo que construimos) ao menos que defenda bem, mas nem isso...

      Eliminar
    3. No 1º golo do Portimonense houve falha colectiva. Falhou 1º o... Herrera, depois o Danilo e em seguida o Alex Telles! Mas se vamos criticar os nossos por causa de um golo em que para mim há todo o mérito do japonês (ainda por cima marcou de trivela!), então teremos que estar calados sobre os nossos golos!
      Na minha opinião HH é muito mais velos (e mais lento quando convém), mais pragmático e assertivo que Oliver. E já agora, vale uma aposta em que este ano vamos ver o verdadeiro Hector Miguel?

      Eliminar
    4. Nao sei bem onde falhou o Alex Telles, ja que ele estava bastante mais a frente. O Herrera falhou o tackle, o Danilo nao se posicionou minimamente, o Felipe nao se aproximou do Marcano (e depois foi a queima e lixou-se) e o Marcano nao tinha grandes hipotese 1-para-1 contra um jogador em corrida e com boa tecnica. Se o golo tivesse sido de bico o Danilo passava a estar bem posicionado???

      Tenho muitas duvidas que o HH seja mais veloz q o Oliver, especialmente se isso envolver correr com a bola dominada. Mas o Felisberto deve ter ai algumas cronometragens das suas corridas, por isso partilhe!!!

      Se me der uma analise como eu fiz acima de jogadas para mostrar como o HH e' mais isto e mais aquilo do que o Oliver eu agradecia. Quanto a ser mais pragmatico e assertivo? Nao sei, tambem pode ser mais caustico, mais caridoso, mais ternurento, etc - tudo caracteristicas que em futebol significam ZERO!!!

      Eu nao sei o que voce ve, mas eu nao vejo diferenca nenhuma no HH desde que chegou, jogue aqui ou pelo Mexico. Ele tem as mesmas qualidades e os mesmos defeitos de sempre. O que muda e o que lhe pedem para fazer e o que pedem aos colegas para fazer.

      E no fim disto tudo ainda estou a espera que me responda a pergunta - porque acha que o Danilo jogou melhor neste jogo?

      Eliminar
  4. Caro Lápis, não me importava nada de ter aquele Paulinho. Acho que o moço é bom de bola mesmo e assentava que nem uma luva no nosso 'plantel curto' que parece que está a alongar-se.
    Confessadamente não sou um admirador do HH e naquele 1º golo do Portimonense não fez tudo o que podia para o ter evitado matando o lance logo no meio campo.
    abç e até ao Mónaco.
    PS: sobre o F. Facadinhas G. (Alô Vassalo) que há muito vendeu a alma aos diabos não direi mais nada. Chamo a atenção para o soberbo "Basta" do Drax sobre o que disse esse sr.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, também reparei nele, embora não o suficiente para perceber se teria arcaboiço para o Porto. Já o Kawasaki...

      Gosto muito de ler o Drax. Já disse acima o que penso sobre FG. Um político (no pior sentido), fazendo todos os compromissos necessários para chegar onde ambiciona. Felizmente, longe daqui.

      Eliminar
  5. Caro Lápis, até ao momento o nosso FC Porto segue impante no Campeonato Nacional, o nosso principal objectivo. É tempo de usufruí-lo sem reservas.

    Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, claro que sim. E ver se isto dura pelo menos até dia 2 😀

      Eliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.