Do Porto com Amor: Fairytale of East Midlands

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Fairytale of East Midlands


Seja pela perfeição com que encarna o cliché do triunfo dos desfavorecidos sobre as elites, seja pelo simples prazer de ver um David superar todos os crónicos Golias, é impossível alguém ficar indiferente ao feito histórico do Leicester City Football Club, que há minutos se consagrou como campeão inglês.




Pela minha parte, não só não fico indiferente como realmente feliz por esta conquista totalmente improvável e - também por isso - tão maravilhosa. Uma receita equilibrada de garra, talento e união. Band of Brothers. Ainda por cima jogam de azul, como não gostar?

Que mantenham a calma os mais exaltados, que não me estou a transformar num qualquer lagarto ou lampião, que perante a seca extrema de sucessos dos seus clubes, se dedicaram ao campeonato espanhol, ao futsal ou ao rugby. As minhas dores de portista continuam cá todas, em carne viva, e em nada se atenuam com a vitória do Leicester City. Isto é mesmo outra coisa, extraordinária e saborosa, mais do que merecedora de ser aqui assinalada.

Um verdadeiro conto de fadas, como se em Leicester o Natal fosse em Maio.



Go Foxes! (hope to meet you in next season's Champions League...)



From Porto with Love



12 comentários:

  1. Já há um movimento de zelotas para sócios do Villareal para ver jogar o portento Adrian, porque não outro do Leicester? E nesses clubes os adeptos não culpam o Presidente por jogarem bem ou mal.

    ResponderEliminar
  2. Acho que deviam dispensar o Kante! E depressinha. Bora buscar o moço a São Bento? :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então se viesse com o Mahrez a cavalo...

      Mais a sério, esse até nem foi "barato", custou cerca de meio Imbula. Mas os dois craques maiores custaram ninharias até para os nossos padrões. O que demonstra que a nossa anterior política ainda funciona - aliás, até num clube pequeno funciona em Inglaterra, que fará num grande em Portugal. É preciso é apostar num scouting direccionado para o enriquecimento do plantel e não dos scouters.

      Eliminar
    2. Desde que as scut são pagas, é a desgraça :)
      Mais a sério, qual será o orçamento do Leicester? Muito diferente do nosso? É mesmo uma pergunta...
      No essencial, como diria o Lima, estamos (quase) de acordo.

      Eliminar
    3. Porque é que não fiquei no FCP? Bem, porque para assinar para a equipa B tinha de assinar antes um contrato de representação com a Gestifute, e eu já tenho o meu agente americano e não preciso disso"
      Declarações de Pusilic.
      Que se saiba a Gestifute ainda não é do Xaninho, mas desse intocável Jorge Mendes que nos brindou com as pérolas Lopetegui, Adrian.....

      Eliminar
    4. Silva, o Leicester tem um dos orçamentos mais modestos da Premier e julgo que é mesmo inferior ao nosso. Não está em causa a anormalidade desta proeza, irrepetível por muitos anos, mas apenas a possibilidade de continuar a apostar em jogadores "baratos" para os valorizar e ganhar títulos no processo.

      Foi comprado por um Tailandês a outro investidor e parece que até lhe vai dar lucro...

      Um bom resumo aqui: Bloomberg

      Eliminar
    5. Anónimo, se Jorge Mendes é intocável é porque o pai do Xaninho assim o entende. Por que será...

      Eliminar
    6. Gosto sempre que ganhem os azuis. Menos se forem de Belém :)

      Eliminar
    7. Porque é que acha que não se pode hostilizar o gestor de carreiras de jogadores, arbitros, pilotos, jornalistas,politicos, empreiteiros, etc?

      Eliminar
  3. Muito gostava de ver o Mahrez treinado pelo Lorpa!
    Era mais um Ferrari que não saía da garagem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se calhar vai-se eclipsar daqui em diante, mas não me importava de arriscar nele.

      Eliminar
    2. Acha mesmo que Mahrez é um risco?
      Ainda estou cansado de ter acabado de ver Fernando, Otamendi, Mangala, Pepe e James, jogadores escolhidos pela incompetente SAD jogarem as meias finais da Liga dos Campeões. E foram recrutados no tempo em que não tinhamos categorizados directores desportivos bascos com poder para contratar o que lhes apetecesse. As asneiras que estes incompetentes da SAD faziam!

      Eliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.