Do Porto com Amor: Deixem Jogar o Gonçalo

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Deixem Jogar o Gonçalo


Enquanto o contador de suspiros não chega a zero e o playoff com a AS Roma não começa, olhemos para o plantel actual do Porto, incluindo dispensados/áveis e alguns do eternos candidatos a reforços.



Começando por quem (já) cá está.

A baliza será porventura o único "sector" já devidamente arrumado. Iker e José Sá serão as duas principais alternativas para a posição, com o espanhol a garantir a titularidade (pelo menos até que se espalhe ao comprido uma, duas e mais vezes - e não conto que isso aconteça).


Na defesa, mantêm-se todos os problemas, agravado pela não-imediata-afirmação de Felipe, a única esperança de termos pelo menos um bom central. Acho que vai lá chegar, mas precisa de tempo... e de ajuda. E quem seria melhor do que Ricardo Carvalho para o "ensinar"? Por regra sou contra a contratação de velhas carcaças, mas esta é  premium e além de tudo o que poderia dar fora dos jogos, poderia perfeitamente ser o terceiro central e entrar sempre que necessário.

Ficaria então a faltar... o primeiro central. O melhor deles todos, o "patrão". Poderia Mangala ser esse jogador? Tecnicamente sem dúvida, mas em termos psicológicos e sobretudo financeiros, é questionável. E Boly? Surpreendeu-me me vários jogos do Braga na temporada passada, ao ponto de o referenciar como potencial reforço. No entanto, este ano não gostei do que vi. Se já tivessemos dois grandes centrais, poderia ser interessante se fosse barato e viesse para aprender. Como nenhuma das suas se verifica, acho muito bem que Nuno tenha torcido o nariz. Hoje um passarinho (que não voa) falou-me da possibilidade Hector Moreno (PSV). Gosto, embora não veja como o poderíamos ir buscar. A não ser (disse outro passarinho que também não voa), que fosse uma troca com Indi. Aí sim, era golpe duplo.

Nas laterais, temos que nos conformar. Vão ser três jogadores (mais Varela...) para duas posições, sendo que Layún terá que se conformar a ser o suplente por agora. Veremos se saberá lidar com a situação sem criar problemas e sem esmorecer.


Avançando para o meio, continua um buraco em aberto e algumas pontas soltas por amarrar.



Hoje volta a ser noticiada a eminente transferência do pequeno grande Óliver de Madrid para o Dragão. Seria o regresso de um bem-amado e eu feliz com isso. Pode bem ser a peça em falta para completar o puzzle do nosso jogo ofensivo. Acresce o olímpico Sérgio Oliveira, que deve estar a aterrar em Pedras Rubras, e cujo destino só pode ser a integração no plantel. Só pode, digo eu - nem me atrevo a tecer considerações sobre qualquer outro cenário. Em aberto também continua a saída de Herrera. Já lhe tracei há muito o meu veredicto: tem qualidades inegáveis mas, tudo somado, preferia uma boa venda e hasta siempre. Se ficar, pois ficará - fazer o quê? É bom rapaz e não merece ser mal tratado por ninguém.


Na frente é onde se acumulam as decisões mais difíceis de entender.

Se as vendas de Brahimi e Aboubakar me parecem decisões acertadas, já a forma como se está a tentar "valorizar" estes dois activos é no mínimo estranha. Tirar os jogadores de circulação e fechá-los no armário de Luís Castro dificilmente ajudará a convencer quem quer que seja a pagar aquilo que se pretende por eles. Até a sua não-utilização no playoff é um contra-senso - como bem sabemos, poderiam ser utilizados na fase de grupos sem restrições pelos seus potenciais novos clubes.

O argumento da "má moeda" e de NES não querer no grupo aqueles com quem não conta também não chega. É possível entender o desejo do treinador, mas o interesse superior do clube (boa gestão de activos) não deveria ser posto em causa. Enfim, não é fácil mas parece-me que o bom-senso não prevaleceu.  

E é aqui que entra Gonçalo Paciência.

Se apenas temos André Silva e agora Depoitre como opções válidas para o centro do ataque, o que poderia justificar a não-inclusão imediata do jovem avançado? 

Não será pela falta de talento, obviamente. Tem e muito, em parte ainda por lapidar. Se é uma questão de ter uma "atitude pouco profissional", conforme se diz por aí, que melhor oportunidade para o redimir do que abrir-lhe a porta do sonho? 

Por último, se o argumento é o de estarmos a tentar contratar um outro avançado, então porque não mantê-lo pelo menos até que se concretize essa contratação? E depois, já com algum tempo sob o olhar de NES, decidir. 

Não entendo a falta de oportunidades a Gonçalo Paciência. Seria terrível vê-lo partir em definitivo por meia-dúzia de tostões sem primeiro tentar fazer dele um grande jogador.




Para fechar, Rafa Silva.

Também hoje se escreve que o super-agente de aço saltou fora do barco, deixando a decisão nas mãos do Salvador da brita. Presumo que para não melindrar nenhum dos parsidentes rivais. Sim, porque não acredito que tenha abdicado da sua quota-parte, presente e futura. Um abandono oportunista e circunstancial.

Primeiro, o jogador. Desde que chegou a Braga que lhe encontro grande talento, suficiente para se afirmar um dia entre a elite do futebol mundial. Aí nada mudou, apesar da oscilação de rendimento de uma época para a outra. É uma questão de trabalho, a todos os níveis.

Segundo, o homem. Atrevi-me a questionar o seu desempenho na Supertaça, mas não terei sido totalmente claro. Nem por um segundo acredito que Rafa tenha falhado de propósito ou sequer jogado menos do que podia. O que me fez alergia foram as movimentações encarnadas à volta dele na antecâmara do jogo. Ninguém é impermeável a uma possível grande melhoria na sua vida e Rafa certamente não conseguiu alhear-se disso. Era a isso que me referia, apenas e só.

Terceiro, a contratação. Em termos relativos (e absolutos, já agora), 20 milhões são aparentemente muito dinheiro pelo seu passe. Não é descabido pensar numa transferência futura pelo dobro, mas essa é uma possibilidade com muitas variáveis pelo meio. Portanto, seria sempre de risco em termos de investimento económico e financeiro (já para não falar dos custos do financiamento associado à operação). No entanto, entre o que se pede e o que se aceita receber costuma haver diferença substancial. Eu acho que deveríamos contratar Rafa. Já. Sem hesitar. Por tudo e por mais alguma coisa, se é que me faço entender.

Integrar Sérgio e Gonçalo, vender Abou e Brahimi e trazer Ricardo Carvalho, Hector Moreno (ou Mangala), Óliver e Rafa até 31 de Agosto seria uma vitória extraordinária de Pinto da Costa e seus pares, garantindo a Nuno um plantel de grande qualidade e a todos nós o direito irrevogável de voltar a sonhar alto. A questão é que, num cenário sem Champions, tudo isto será difícil de comportar. O que - mais uma vez - nos remete para a minha primeira questão da pré-época: o playoff deveria ter sido o nosso 31 de Agosto.



Do Porto com Amor




27 comentários:

  1. Sim amigos mas parece que a Sad ficou muito incomodada por o Gonçalo ter dito (cito de cor) que não acaba aqui a vida de um futebolista. Por mim gostava mais de ter um Gonçalo na mão do que dois Rafas a voar. Bastava ver o jogo dele contra o Guimarães. Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro José Lima

      Tinha até a impressão de ser do pai Domingos essa declaração, no contexto do que lhe estava a ser perguntado. A mim parece-me perfeitamente normal e jamais motivo para abdicar de um talento e de um activo - não pode obviamente ser esse o motivo...

      Prefiro não misturar as coisas porque são jogadores e situações bem diferentes, mas venham os dois, pelo sim pelo não.

      Abraço Portista

      Eliminar
  2. Boas

    O que eu queria mesmo era o Yacine reabilitado, de cabeça e alma no FCP!
    Rafa é bom jogador, certo!
    Mas longe, muito longe de justificar as loucuras que se escrevem por ai!
    Por esses valores, o Wolverhampton dos trafulhas levados ao colo que o compre...
    Mais, estou tão farto e enjoado de ver o nosso Porto "humilhado" nos negócios com o Braga que só por isso, espero que não se concretize!

    Quanto ao Gonçalo, parecia (parece?) ter tudo para ser um grande jogador, mas não foi capaz de se afirmar na Académica, por isso... consigo compreender qq decisão.

    cumps,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carrela,
      quanto aos negocios com o Braga, nao foram os bracarenses que tiraram dinheiro dos nossos cofres para ca por jogadores da trampa. Nem foram eles que roubaram o Josue no ano passado. Os erros sao da nossa parte e o Braga fez o que tinha a fazer.

      Tambem gostava de ver o Brahimi a jogar com alegria. E pela mesma razao digo que o facto de goncalo nao se ter dado bem na Academica (uma equipa que jogava na retranca e contra-ataques rapidos) nao deveria causar problemas.

      Eliminar
    2. Quanto ao Braga, acho que ambos têm parte da razão. De facto, ninguém nos obriga a fazer maus negócios, mas também é verdade que o que para nós são dificuldades, para outros são passadeiras vermelhas. Por mim, trazíamos o Rafa por €5 só para os lixar :-)

      Eu gostava que o Brahimi fosse outra pessoa, mas não é. Escrevo há muito que lhe detecto mau caracter. E assim sendo, só espero é que possa render uns trocos e até nunca (agora assim encostado na B, repito, é um acto incompreensível de gestão).

      O Gonçalo é um miudo e tende ainda a comportar-se mais como um... miudo e menos como um profissional - é o que mais vezes ouço como motivo para a sua não-afirmação. O tempo na cadémica tem que ser avaliado com cuidado. Um plantel fraco e numa equipa com postura defensiva a espreitar o contra, seria difícil que se impusesse. Mais facilmente um Marinho qualquer poderia vingar do que um avançado como Gonçalo. Eu queria pelo menos ver o que pode valer.

      Nota: renovar outra vez com Josué para o emprestar? Não entendo, mesmo.

      Eliminar
    3. Detecta que Brahimi é mau caracter!?! Não consta que tenha andado à porrada com ninguém, nem que tenha roubado cartões de crédito aos colegas no balneário. Não passa a bola a Andrés Andrés? Pudera, sabe que é bola perdida.
      Mas o caro Lápis achou que Madjer tinha bom caracter?! Paulinho Santos, Lima Pereira, Jaime Pacheco, Yuran, Jorge Costa, Fernando Couto, tudo gente com um caracter à prova de bala, não é verdade?
      O treinador é mesmo treinador ou é um catequista para levar uns meninos para a comunhão? Não lhe ocorre essa pergunta?
      Paciência. Andam os zelotas a dar pinotes na lama, a arrancar gordura da pança de canivete, por Pinto da Costa não contratar uma estrela ontem para fazer os jogos com o Roma e o Lápis sugere Paciência, que para eles é ainda verde, não tem maturação, tem que ser emprestado a uma equipa que jogue ao ataque (quem? nem o Porto joga!!!).
      Vamos é a eles como Dragões e as desculpas antes do tempo cheiram a gajos acagaçados e pequeninos.

      Eliminar
    4. Kosta, não confunda mau feitio com mau carácter. Dos que nomeou, talvez Iuran se encaixe no mesmo perfil de Brahimi. Os demais são grandes campeões porque raramente ou nunca se esqueceram do seu lugar e da importância superior do clube.

      Eliminar
  3. Pessoalmente ate acho que sera melhor arranjar uma BOA equipa para por o Goncalo a rodar mais uns tempos (pelo menos ate Janeiro) - mas tem de ser uma equipa que jogue a atacar.

    Oliver e Rafa seria um sonho - mas depois era preciso que o NES deixasse esta treta de por tres trincos (ou pelo menos tres jogadores com pouca tecnica) ao mesmo tempo.

    Meio campo com RN/Danilo + Oliver + Otavio, ataque com Rafa, Corona, AS... Ate salivo!!!

    Nao acredito que venham 2 centrais, mesmo que um seja velhote (mas melhor que todos os outros mencionados sem espinhas)

    Eu acho piada aos portistas que acham que o Rafa nunca pode valer 20M mas que no mesmo sopro querem receber 25-30M pelo Herrera ou Danilo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho que não vindo outro avançado, era cá que devia continuar o Paciência júnior. Até porque "boas equipas que joguem a atacar", quais são? Vamos empacotá-lo para uma liga de segunda ou uma equipa menor de uma liga grande?

      A saliva é partilhada (salvo seja!), mas tudo dependerá deste playoff - o maior contra senso de todos, porque deveria ser para o ultrapassar!

      Quanto ao valor do Rafa ou de outro qualquer, é tudo relativo. De outros sítios saem todos a 15(M), mas já se sabe que não entra um euro excepto nos livros. €20M é muito para nós, FCPorto. Sem perspectivas sólidas de uma venda posterior com mais-valia, ainda mais. Mas insisto, neste apostava as fichas (e no Oli também, obviamente). Mas sem Champions, aposto que nem um nem outro.

      E um outro aspecto. Uma coisa é o nosso mercado de compras, outra são os de vendas. Tipicamente, os segundos são "mais desenvolvidos" e portanto, o valor relativo de €20M é muito diferente.

      Eliminar
  4. Pancas

    O mal amado Herrera, que joga a médio, e em terrenos "demasiado" recuados até, o ano passado fez 9 golos e 1 assistência em 29 jogos.
    E todos nos lembramos do momento de forma da equipa e que teve 3 treinadores e tal...
    O Rafa, numa boa equipa, bem mais estável, a jogar à frente, fez "apenas" 8 golos e 3 assistências em 30 jogos.
    Acha que isto justifica a loucura que seria bater todos os records de uma transferência interna por 20M? E fazer dele um dos mais caros de sempre?

    Obviamente que Herrera vale neste momento muito mais que Rafa.


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o Janko marcava 30 por epoca e o Vinha tb marcava muitos. As estatisticas valem o que valem
      Por isso e q eu nao uso estatisticas para avaliar jogadores mas sim as suas qualidades.
      E se o Braga era uma equipa mais estavel e tal como e que nos e que ficamos em terceiro muitos pontos acima. Ha com cada argumento...

      Eliminar
    2. "Ha com cada argumento..."

      É complicado perceber que me referia apenas e só ao modelo de jogo, ou melhor, à sua estabilidade ao longo da época? Acha que é mais fácil ou mais difícil a um jogador manter o seu nível com 1 ou 3 treinadores?
      É tão óbvio que escusa de responder...

      As estatísticas nunca valem nada quando desmascaram a subjectividade da certas argumentações...

      É como muitos que dizem que o Herrera falha 3 em 4 passes e depois vai-se a ver Herrera tem 80+ de % de passe... mas claro, são estatísticas que não valem nada.
      Um gajo que falha 1 passe em cada 5, passa por um que falha 3 em 4. Mas o que importa é o nosso umbigo que está certo ao insistir que Herrera é um cepo que não sabe passar...

      Cumps

      Eliminar
    3. La esta - o Carcela fala em "manter o seu nivel" - eu presumo que se esteja a referir mais uma vez as estatisticas... E ai concordo, o treinador e modelo de jogo influenciam as estatisticas (golos, assistencias, Km corridos, etc) do jogador. O que mais uma vez e uma razao para NAO usar estatisticas!!!
      Experimente classificar um jogador por criterios como estes:
      - capacidade de receber a bola sem ela fugir do pe
      - capacidade de sair de um duelo 1x1
      - capacidade de escolher a melhor opcao para um passe, drible ou remate
      - capacidade de imaginar uma jogada e conseguir concretizar o que pensa

      ISTO sim mede a qualidade de um jogador. E nada disto muda por mudanca de treinador ou modelo de jogo.

      Quanto a estatisticas...
      Dois centrais que troquem a bola 200 vezes entre si ao pe da sua area vao ter excelentes estatisticas - mas de que servem?
      Um jogador que corra durante 90 minutos e nunca toque na bola tem excelentes estatisticas de Km corridos
      O jogador que descobre um colega em boa posicao e este depois faz uma assistencia acaba sem estatistica nenhuma.
      Dois avancados rematam fraco a baliza, mas num deles o GR franga - logo esse avancado e melhor???

      Eu nunca disse que o Herrera falha 3 em 4 passes. O que eu digo e que a maior parte dos passes dele sao inconsequentes. Muitos vao mal direccionados e obrigam o colega a se desposicionar para receber. Nao age com velocidade. Nao recua suficiente rapido para ajudar. Esses e que sao as razoes porque eu nao gosto do Herrera.

      Eliminar
    4. Pancas

      Estamos a desconversar...
      Normalmente quem quer desvalorizar as estatísticas, quando não dá jeito, faz sempre isso.

      São as estatísticas que fazem do Ronaldo o melhor ou um dos melhores do mundo, não são as fintas nem os números de circo!

      O Rafa deve ser muita azarado, farta-se de fazer bons passes e tomar boas decisões, mas chega ao fim da época com números bastante humildes. Não por ser um produto inacabado, mas porque os colegas falham a seguir ou porque os guarda redes insiste em defender-lhe quase tudo.
      Acredita no que quiseres.

      Como em tudo na vida, há que contextualizar, nem eu, nem ninguém que gosta de usar as estatísticas perde a noção de que elas não significam tudo.

      Eliminar
    5. Sou capaz de entender ambas as argumentações (até porque, no fundo, me parece que não divergem muito), mas quanto a Herrera não há acordo possível. Mostrem o que mostrarem as estatísticas, é um jogador que falha os passes que não se falham e os que põe em causa todo o esforço da equipa. É mesmo dramático.

      Eliminar
    6. Lápis, não é por gostar do Herrera e achar que ele é MUITO melhor do que é pintado pelos nossos (os outros, até o Hulk era o cesto de fruta podre), que fico menos fodido, quando ele falha um passe "fácil" ou toma uma decisão "fraca".
      Mas procuro ser coerente.
      E não posso aceitar que se digam coisas absurdas como: Herrera não vale nada, falha 3 em 4 passes. Quando tem 80+% de eficácia no passe! E o Lápis sabe muito bem que é assim...
      Uns mais, outros menos, mas todos têm decisões más e passes falhados.
      Depois, há aqueles que são queimados por qualquer falha!
      O Otávio, que para mim foi o melhor em campo, se em vez de cabecear "fácil" para a baliza, tem desviado para o colega ao lado encostar... Ou se o André Silva (2º melhor em campo) não falha aquele cabeceamento "fácil" em frente à baliza...

      Já do Herrera, aposto que vai ficar na retina da maioria, aquela tentativa foleira de calcanhar.
      Mas mesmo assim, ontem fez 5 passes para ocasião e teve 87% de eficácia no passe.
      Diria que foi o melhor do meio campo, mas como esperava bem mais dele... fica sempre difícil dar nota positiva.

      Independentemente do valor de Danilo, André André e Herrera, e não querendo identificar A, B ou C como sendo o problema, a verdade é que o nosso meio campo não está bem e precisa de mudar.

      Eu gostava de ver como base, Danilo a 6, Herrera a 8 e Otávio a 10.

      Eliminar
    7. Carcela,

      Nao percebo porque acha que estou a desconversar - estou a dar exemplos claros (se bem que exagerados) para responder a porque nao se deve usar estatisticas para avaliar um jogador.

      Nao sao as estatisticas que fazem o Ronaldo um dos melhores do mundo. E a sua potencia e direccao de remate; a sua velocidade; a sua capacidade de cabeceamento; a sua tecnica para passar 1x1; a sua agressividade em atacar zonas de finalizacao; a sua "work rate". Ele podia nunca ter ganho uma champions ou mesmo um campeonato e era o mesmo jogador e continuava a ser dos melhores.

      Se me disser "a maioria dos adeptos avalia os jogadores, incluindo o Ronaldo, em funcao das estatisticas" digo-lhe que tem toda a razao. Mas tambem ha uma razao porque adeptos (e comentadores) ha muitos e treinadores ha poucos...

      Se vir a minha historia de comentarios, tanto neste site como noutros, percebia que eu nao desvalorizo as estatisticas quando me convem - eu desvalorizo-as SEMPRE :)

      No fundo, eu acho que o futebol e um desporto muito diferente dum beisebol, por exemplo. Ai, sim, um atleta tem uma missao especifica, num contexto especifico e repete essa missao 1000 vezes por epoca, por isso as estatisticas ganham importancia crucial. Mas no futebol nao ha uma missao especifica para um jogador. Um avancado nao e simplesmente para marcar golos - tem de saber jogar de costas para a baliza, saber quando recuar para dar apoio ou ir na profundidade, saber quando rematar e quando passar, saber pressionar da mesma maneira que os colegas, saber como atacar um defesa vs 3 defesas... Nao ha estatisticas que sirvam para medir isso...

      Sim o Rafa e azarado. E azarado porque ao redor dele nao estao jogadores como Brahimi, Oliver, Otavio, etc E azarado porque joga numa equipa que tem recursos muito baixos. E azarado porque joga um desporto em que ser bom individualmente nao chega para marcar golos ou ganhar - o resto da equipa tem muita influencia nisso. Veja o Jackson, por exemplo, que jogava numa equipa da trampa mexicana, nao era nenhum goleador nem sequer era conhecido pelos melhores clubes europeus e compare com o que ele fez no Porto. Nao era a mesma pessoa?

      Eliminar
    8. Pancas

      Está a desconversar, pelo exagero, e porque quer fazer querer que há uns que só fazem passes fáceis, outros difíceis, etc etc... Sabe muito bem que para o bem e para o mal a estatística hoje compensa o passe fácil, amanhã penaliza, tanto para uns como para outros. Quanto maior o tamanho da amostra, mais justo o resultado!
      E quem diz passes diz outra variável.

      É evidente que o Ronaldo vale pelos seus números, mas há dúvidas?
      Se em vez de Avançado/PL fosse extremo, daria-se mais peso às assistências, passes, cruzamentos com sucesso, etc etc


      No nosso caso, não estávamos a comparar a % de eficácia de passe entre um central (arisca menos) com um médio (ou avançado ou extremo) que tem de arriscar mais.

      Comparei golos e assistências de Rafa com Herrera, dando CLARA vantagem a Rafa, pois este pisa terrenos muito mais próximos da baliza, e nem assim se destaca de um mal amado Herrera, que joga bem mais atrás!
      Não acha estranho?
      Desvalorizar o Braga, não é o caminho!

      Está-se a pedir por Rafa, aquilo que se acredita que ele vai valer amanhã, e o Porto não está em condições de se meter nessas loucuras! Porque aquilo que ele vale hoje está longe de o justificar!

      Acrescente p.f. aos azares que aponta ao Rafa, o facto de andar meia Europa a dormir em relação a ele.
      Trata-se de um campeão da Europa agendado pelo super agende Mendes!!!!
      E nem assim aparece um clube com dinheiro para dar 20M?
      Não acha estranho? Porque será?
      Simples, quem tem esse dinheiro, normalmente opta por jogadores feitos.

      Eliminar
    9. Carrela

      O problema não é só falhar passes, é OS passes que falha. Sendo dos jogadores mais em jogo, é óbvio que vai ter uma percentagem elevada de passes, mas daqueles que qualquer iniciado faz de olhos fechados. Este mexicano quase nunca acerta aquele passe importante, desbloqueado, potencialmente decisivo. Faz sempre cagada, é doentio. O que é uma pena, porque é evidente que faz um bom balneário e é apreciado pelos companheiros. Mas hoje atrevo-me a dizer que boa parte do problema do nosso meio-campo chama-se Heitor Miguel - pelo que faz e pelo que impede outro de fazer no seu lugar. Mas admito ser uma opinião, ainda que baseada na recolha empírica de dados.

      Eliminar
    10. Pergunte ao Ferguson se veio buscar o Ronaldo porque ele tinha boas estatisticas!!! Ou o Anderson depois de meia duzia de jogos?

      Eu nao vejo a Europa a vir atras do Herrera... E tambem nao me lembro de ver a Europa atras de jogadores como Derlei, Lima, Deco ANTES de eles jogarem pelos grandes em Portugal.
      Nao e desvalorizar o Braga, e so ser realista. Veja la quantos golos o Lima marcava pelo Braga e quantos marcava pelo Benfas - o contexto interessa muito!!!
      Pergunta la ao Deco se era mais facil jogar com colegas como o McCarthy, Costinha, Ronaldinho ou Messi ou com os colegas do Alverca? E onde as "estatisticas" dele eram melhores?
      O Herrera havia de marcar muitos golos no Braga, havia...

      Sim, o Rafa joga mais perto da baliza adversaria - o que tambem quer dizer que joga mais rodeado de defesas e de marcacoes cerradas.


      Portanto o Carrela acha que os passes que o Herrera faz sao do mesmo grau de dificuldade que, por exemplo, os do Otavio? Esta a dizer que no fim se equilibram... Olhe que nao... Garanto-lhe que o Otavio vai ter uma % de passe bem pior, porque faz passes bem mais complicados...

      Jogadores feitos? como o Renato Sanches, Anderson, James Rodriguez, Paulo Ferreira, Cristiano Ronaldo - todos jogadores que sairam do nosso campeonato ainda verdinhos e por muitos milhoes.

      Porra, isto parece as conversas que tenho com republicanos nos EUA que acham que aquecimento global e uma fantasia... os factos nao chegam para convencer...

      Deixo-o ficar com uma ultima pergunta. Se as estatisticas sao tao importantes como e que se avalia um jogador que numa epoca marca 30 e na proxima 10; que faz 20 assistencias e na proxima 2??? O jogador deixou de ser bom? Esqueceu-se de como jogar? A velha teoria do besta e bestial...

      Eliminar
    11. O problema do pancas, na minha opinião, é insistir na descontextualização!
      Por um lado quer fazer querer que quem usa as estatísticas, se esta a borrifar para tudo o resto e coloca um rótulo só pelos números, o que é falso, como é óbvio!

      Quer dar a entender que tal como um Bayern ou Man.Unt. etc etc, o nosso Porto pode arriscar 20M num produto CLARAMENTE inacabado. Era bom era (o que n quer dizer que não tenha já feito, mas... há limites para o risco e para as vezes que se arrisca, mt mais agora!

      Vou dar um bom exemplo.
      O Gaitán, o mais melhor bom jogador dos últimos 10 anos em PT.... para onde foi?
      E por que valor (maquilhado)?
      Gaitán não é bom jogador?
      Alguém tem dúvidas disso?
      Acho que não!
      Mas estava e sempre esteve LONGE de valor o que lhe apontava a propaganda centralista! Por uma simples razão... números baixos para o contexto em que jogava! Tem dúvidas?

      Eliminar
    12. Eu acho que o Carrela e que esta a descontextualizar - nos estavamos a discutir a avaliacao do Rafa (e comparava-se com o Herrera) e tb discutimos como se deve avaliar um jogador.
      Isso nao tem nada a ver com a questao de se o Porto esta em condicoes para arriscar uma certa quantia no jogador ou nao. Ou como calcular o risco.

      Quanto ao assunto que o Carrela esta a trazer agora eu acho que o Porto so estaria em condicoes de avancar por valores como os que o Benfas pagou se passasse a eliminatoria com a Roma. Mas isso nao tem a ver nada com o valor do Rafa ou como se avalia um jogador...

      Ainda nao consegui perceber entao qual e o metodo que o Carrela tem para avaliar jogadores, ja que nunca respondeu as questoes que eu lhe pus. Ou porque e que acha (alem das estatisticas) que o Herrera devia valer muito mais que o Rafa. Eu ja expliquei de varias maneiras a minha maneira de pensar...

      Eliminar
    13. Não respondi?:)
      Pensei que o tinha feito!

      Não há "um método" para avaliar um jogador, como é óbvio!
      É sempre algo subjectivo!
      Se existisse uma formula matemática, não se cometiam tantos, não acha?
      As estatísticas são mais um complemento!
      Na minha óptica, um factor importante, porque ajudam e muito a definir capacidades e características de um jogador!

      Carago, a ver se nos entendemos em relação ao Rafa.
      Usei Herrera, como exemplo, para tentar demonstrar que o Rafa, neste momento não é tão bom como se pinta.
      Usei um jogador que em teoria, deveria de ter números muito mais fracos que o Rafa, e não é o caso.
      No contexto do Rafa, chegar ao fim de uma época com "apenas" 8 golos e 3 assistências, é FRACO! Digam o que disserem! É FRACO para quem é suposto valer 20M no nosso campeonato!
      Não quero com isso dizer que ele seja fraco! Nada disso, como é evidente!
      Se no FCP vai ser melhor?
      Não sei, diria que tinha tudo para que sim!
      Seja como for, se isso viesse a acontecer (e já sabemos que não), qual o sentido de estar a pagar um trabalho que ainda tem de ser feito?

      O Herrera para mim vale mais, não em relação ao Rafa em si, mas sim em relação ao que cada um está preparado para dar à equipa!

      Eliminar
  5. Herrera é campeão Olimpico, titular duma das melhores selecções do mundo.
    Jorge Mendes levou Rafa a um Mundial , a um Europeu e tem menos minutos que o meco que agora é herói nacional.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom, é pegar nesse cartaz e vendê-lo ao melhor preço. E rápido.

      Eliminar
  6. Por esse raciocinio, o Andre Silva e uma bosta porque nem convocado foi, o Hazard e uma bosta porque a Belgica foi eliminada por Gales, o Vieirinha e o Cedric sao fantasticos jogadores porque sao campeoes europeus.
    Ah, e ja agora, o Renato Sanches e um dos melhores jogadores do mundo porque e campeao europeu e joga no Bayern de Munique!!!! LOL

    Isto e o que da querer fazer avaliacoes de jogador dessa maneira!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem querer interferir, acrescentaria Eliseu à segunda lista ...

      Eliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.