Do Porto com Amor: Dia de jogo: Schalke 04 - FCPorto (0-0)

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Dia de jogo: Schalke 04 - FCPorto (0-0)




E assim cumprimos mais um jogo de preparação - o quarto "oficial", desta vez contra os nossos amigos alemães que habitam na Arena AufSchalke de Gelsenkirchen, onde já fomos tão, mas tão felizes (neste século e a cores).

Lamentavelmente, o jogo de hoje foi mais uma pálida (ou melhor, cinzenta) demonstração do potencial dos nossos rapazes. Muito em linha com o jogo anterior, neste beneficiamos de não ter começado com uma táctica complicada e sobretudo um onze incompatível com essa táctica. Hoje foi sempre a abrir em 4-3-3. Ou nem tanto, terá sido mais como quando um conjunto interminável de simpáticas velhinhas atravessa a passadeira quando estamos cheios de pressa. Só apetece buzinar e gesticular a um dedo só, mas como se trata de afáveis senhoras cujo tempo lhes levou a urgência, limitamo-nos a sorrir que nem uma gema de ovo.

Estive a tentar encontrar destaques individuais (pela positiva, obviamente), mas não foi tarefa fácil.

É certo que Casillas foi importante em 2 ou 3 lances, adiando um golo que parecia inevitável. Tal como Helton, aliás, numa situação muito difícil. Mas só isso não me pareceu suficiente. À semelhança de algumas exibições "apenas" regulares como as de Marcano, Maicon (glup...), Evandro, Sérgio Oliveira ou Brahimi e mais tarde André André e Danilo. Nesta altura, ser "apenas regular" pode até não ser mau para os objectivos individuais de afirmação (ou sobrevivência) no plantel, mas é apenas isso.

Assim sendo, do meu ponto de vista sobraram apenas duas exibições merecedoras de destaque:

 - Alex Sandro: o mais recente capitão do FCPorto destacou-se pela disponibilidade para fazer todo o flanco a atacar e a defender, chegando a salvar um golo quase certo já na pequena área e a rematar forte ao poste de Fahrmann. Possivelmente motivado pelo mais recente caso de "renova-e-foge", parece disposto a sair em grande, tal como Danilo.

 - Rúben Neves: uma das melhores coisas que sairam da responsabilidade de Lopetegui na época passada, o nosso menino começou a pré-época discreto, demasiado para o seu próprio bem. Com a grande concorrência que agora existe no meio-campo, temia-se que desaparecesse sem deixar rasto. Felizmente o treinador deu-lhe esta oportunidade, que ele agarrou muitíssimo bem. Seja bem regressado!

Foi um jogo em que quase não chegamos à baliza adversária, sobretudo com real perigo de fazer golo. Aliás, para ser honesto, só não perdemos graças à ineficácia dos homens do Schalke combinada com as defesas in-extremis dos nossos GR e alguns cortes providenciais. Não há ainda conclusões para tirar, porque estamos a meio do processo, mas é perfeitamente normal que muitos portistas comecem já a (des)esperar por melhores exibições, o que é amplificado pelo que se viu na última época. Não desespereis, que ainda é (muito) cedo e eles ainda vão crescer! A escolha está feita e só nos resta apoiar. E para terminar, o azul e branco que bem que lhes fica, eles vão... peço desculpa, entusiasmei-me.


Nota importante: a propósito da minha questão "Onde pára a PJ?", finalmente um estimado leitor ajudou-me a descobrir a resposta: há pelo menos 3 anos que está aqui! Isto, de facto, pode ajudar a compreender certos fenómenos...



Do Porto com Amor



4 comentários:

  1. É pre epoca, é normal estes jogos "chatos" de se ver..Importante é vencer quando for a sério, e penso que este ano teremos um campeonato tranquilo, vejo os rivais muitos fracos e nós ao mesmo nível se não mais fortes que o ano passado. Estamos a jogar sem Herrera e Imbula,talvez 2 titulares, ainda nos falta o criativo e um suplente do Abouba, ou seja ofensivamente ainda temos muito por onde melhorar. É preciso ter calma.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Estamos" calmos... mas menos confiantes quanto à vantagem face aos rivais. Convém lembrar contra que tipo de adversários se joga o campeonato e nesse contexto o JJ põe 11 mancos a jogar futebol. E o Benfica... veremos.

      E já agora, não sei se o Abou não vai ser o suplente... se vier alguém.

      Eliminar
    2. Vejo o Benfica muito fraco,já o ano passado eram fracos, das equipas mais fracas do Benfica que me lembro, compensava com um bom treinador e rotinas já assimiladas. Ano passado fomos nós que não "quisemos" ser campeões nos momentos da verdade,pois tinhamos melhor equipa. Este ano a equipa de Benfica ainda está mais fraca, vão perder Gaitan e estão com novo treinador. Quanto ao Sporting, tem um treinador excelente para consumo interno,mas não tem grande plantel. Estou confiantissimo que iremos ser campeões.
      Um avançado que deixe o Abouba no banco teria que ser um grande jogador, eu gosto do Abouba, se tiver um bom meio campo para o servir será um grande goleador. Quero que começe rápido, estou farto de pre epoca.

      Eliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.