Do Porto com Amor: Taça da Liga CTT: o que nos espera

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Taça da Liga CTT: o que nos espera



Realizou-se hoje o sorteio da 3ª fase da Taça da Liga 2015/16. Uma vez que finalmente assumimos a vontade de a vencer, vamos lá a uma rápida análise auxiliada pela transcrição da notícia d'O Jogo. 




Grupo A: FC Porto, Marítimo, Feirense, Famalicão.
Grupo B: Benfica, Nacional, Moreirense, Oriental
Grupo C: Sporting, Paços de Ferreira, Arouca, Portimonense
Grupo D: Braga; Belenenses, Rio Ave, Leixões


Destaques:

FC Porto recebe o Marítimo e desloca-se aos terrenos de Feirense e Famalicão, duas equipas da II Liga.
O Benfica recebe o Nacional e joga em casa de Moreirense e Oriental.
O Sporting joga nos estádio de Portimense e Arouca, recebendo, o Paços de Ferreira.
O Braga recebe o Belenenses e visita Rio Ave e Leixões.


As jornadas:

Primeira jornada (29 e 30 dezembro):
FC Porto-Marítimo
Benfica-Nacional
Sporting-Paços de Ferreira
Braga-Belenenes. 

A segunda jornada será a 19, 20 e 21 de janeiro e a terceira jornada a 26, 27 e 28 de janeiro.


Ordem da meias-finais (prováveis vencedores)

vencedor grupo A (FC Porto) - vencedor do grupo C (Sporting)
vencedor grupo B (Benfica) - vencedor do grupo D (Braga)


Começo pelo regulamento da prova, sobre o qual tinha dúvidas em termos do sorteio dos 4 cabeças de série (pote 1) e das meias-finais. Lendo o dito documento, fica-se a saber o seguinte:

POTE 1 – Os clubes da Liga NOS classificados entre o primeiro e o quarto lugar na época anterior;

POTE 2 – Os 4 clubes apurados na 2ª Fase melhor classificados nos respetivos campeonatos na época anterior, preferindo os que então estavam na Liga NOS;
 
POTE 3 – Os 4 clubes apurados na 2ª Fase melhor classificados nos respetivos Campeonatos na época anterior a seguir aos clubes integrantes do Pote 2, preferindo os que então estavam na Liga NOS;
 
POTE 4 – Os restantes quatro clubes apurados na 2ª Fase.

e ainda 

Os clubes do Pote 1 serão alocados por sorteio a uma das seguintes posições: A1, B1, C1, D1
Os clubes do Pote 2 serão alocados por sorteio a uma das seguintes posições: A2, B2, C2, D2
(etc.)

e por fim

A meia-final 1 será disputada entre o clube vencedor do Grupo A da fase anterior, na condição de visitado,  e  o  clube  vencedor  do  Grupo  C  da  fase  anterior,  na  condição de visitante. 

A meia-final 2 será disputada entre o clube vencedor do Grupo B da fase anterior, na condição de visitado, e o clube vencedor do Grupo D da fase anterior, na condição de visitante


O que não encontrei foi nenhuma disposição que imponha que os 4 cabeças de série façam apenas um jogo em casa, mas analisando o calendário fica evidente que está determinado que as equipas dos potes 1 e 2 (teoricamente mais fortes) fazem apenas 1 jogo em casa e que as do pote 2 visitam os cabeças-de-série (caso contrário seria um tremenda coincidência).


Quanto ao nosso calendário, não há muito a dizer, excepto que o sorteio não foi padrasto.

Na fase de grupos vamos defrontar duas equipas da II Liga e recebemos o Marítimo, enquanto que todos os outros cabeças-de-série defrontam duas equipas da Liga NOS.

Na (possível) meia-final, jogamos em casa, provavelmente contra o Sporting. Se quanto ao adversário seria mais ou menos indiferente, já o factor casa é efectivamente uma mais-valia.

Em resumo, não será pela sorte ao jogo que não estaremos na final desta competição. A ver vamos como nos comportamos.


Do Porto com Amor



2 comentários:

  1. O factor casa é naturalmente uma mais-valia, se bem que na época passada o Sporting foi ao Dragão eliminar o Porto por 3-1 para a Taça de Portugal. Penso que relativamente a este jogo, a sua memória não o atraiçoará e terá esse jogo bem presente. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, o mais recente caso de tomba-gigantes :-)
      Mas como dizem que só os burros não aprendem, estou plenamente confiante que não repetiremos os mesmos erros de "subestimação"

      Eliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.