Do Porto com Amor: "O" Vampiro deixou de morder

quinta-feira, 11 de junho de 2015

"O" Vampiro deixou de morder



A minha singela homenagem a um dos grandes do cinema mundial, por motivo do seu falecimento.

Sir Christopher Lee chegou à última estação desta fabulosa viagem que é a vida aos 93 anos.

Como legado, uma vasta filmografia pontuada por algumas das interpretações mais marcantes da história de Holywood. Enquanto leigo mas apaixonado pela sétima arte, foi um dos actores que mais me me imergiu naqueles mundos mágicos e mais me fez acreditar na autenticidade das suas (quase sempre malévolas) personagens.

Foi, claro, "o" Drácula. Mas também um vilão em 007, o feiticeiro branco no universo "Senhor dos Anéis", um bastião do lado negro da Força em Star Wars, um Sherlock intemporal, entre muitos outros.

Por tudo isto, que descanse em paz e obrigado.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.