Do Porto com Amor: Um Mundo de Diferença

sábado, 14 de outubro de 2017

Um Mundo de Diferença


Começou tranquila e generosa a nossa participação na Taça de Portugal. O adversário, um brioso, histórico, mas agora amador Lusitano Ginásio Clube "de Évora" é de uma outra realidade, a um mundo inteiro de distância, pelo que o desfecho da eliminatória nunca poderia estar verdadeiramente em causa.

Bruno de Carvalho / Kapta+

"Nunca poderia" desde que treinadores e jogadores abordassem o jogo com a indispensável seriedade. E assim foi. Confesso até que senti um extrazinho de orgulho ao ver como, genericamente, todos se comportaram durante os noventa minutos.
A abordagem de Sérgio Conceição foi a que considero sempre a mais indicada: uma mistura equilibrada de jogadores pouco ou nada utilizados com titulares. Faz-me muita confusão quando treinadores mudam por completo o onze em partidas oficiais onde há um troféu em disputa, por mais fraco que aparente ser o adversário. É que onze jogadores sem "entrosamento" são só onze jogadores, nunca uma verdadeira equipa. Bem, Sérgio.
Deu até para observar fenómenos raros, como o sorriso de Brahimi a partir do banco. Ele, que ajudou a decidir a eliminatória nos 45 minutos que esteve em campo, passou a segunda metade a experimentar a sensação de ser adjunto, sempre interessado e motivado com o que se ia passando em campo. Gostei. Pode ser que ele também.

O resultado final serve de amostra ao tanto que separa as duas equipas e o Lusitano deve sentir-se feliz pela oportunidade e desempenho. Quanto a nós, missão bem cumprida. Siga para Leipzig.


Notas DPcA 


Dia de jogo: 13/10/2017, 20h15, Estádio do Restelo, Lusitano GC - FC Porto (0-6)


Nota (7): Brahimi < 46', Aboubakar < 52', Marcano < 67'
Nota (6): José Sá, Reyes, André André, Óliver, Otávio, Ricardo 

Diogo Dalot (7): Claramente o segundo maior vencedor da noite, logo a seguir ao Clube. Aproveitou por completo a oportunidade, revelando uma maturidade fora do comum, e ainda mostrou versatilidade ao jogar (bem) em ambos os lados. Está pronto... ou parece estar.

Hernani (6): Na maior oportunidade que teve até ao momento, esforçou-se por não defraudar e mostrar que merece mesmo estar no plantel. Muita coisa não lhe saiu bem mas teve pelo menos o mérito de nunca baixar os braços. O prémio chegou já em cima do apito final, com um golo de "meio-escorpião", feliz mas vistoso. Dá para continuar a sonhar...

> 46' Galeno (6): Reforçou a ideia com que dele fiquei na pré-época, é uma mini-locomotiva (tipo Marega, mas com "volante") que arranca rumo à linha de fundo e não quer saber de mais nada. O que é uma chatice, porque a baliza só tem 9 metros e pico e está a meio dessa linha. Fez o seu golo, o que é sempre motivador, mas desperdiçou mais dois ou três. Não, não está pronto ainda.

> 52' Luizão (5): Possivelmente a exibição menos conseguida, denotando claro nervosismo nesta estreia às ordens de Sérgio Conceição. Não tenho visto as suas exibições na B, pelo que não sei do que já mostrou ser capaz, mas para este nível ainda não dá.

> 67' Jorge Fernandes (6): Aproveitou para mostrar pormenores, bons pormenores, como a facilidade de recepção e domínio da bola e sentido posicional. Não deu para muito mais, porque não havia quem o testasse a sério. A rever, certamente.

Sérgio Conceição (7): Fez tudo o que lhe competia, sem facilitar nem exagerar. Deu oportunidade a Bs e a As menos utilizados, ritmo a quem não esteve em compromissos internacionais e passou a eliminatória de forma clara. Também aqui, houve um mundo inteirinho de diferença face a vários dos seus antecessores.


Bruno de Carvalho / Kapta+


Segue-se importante desafio em Leipzig, onde teremos a possibilidade de dar metade de um passo gigantesco rumo ao apuramento, que seria a conquista de duas vitórias neste duplo confronto. Mas, um jogo de cada vez.

Vamos confiantes, pelo que temos vindo a fazer, mas sem esquecer o que aconteceu na estreia com o Besiktas. Easy does it.



Do Porto com Amor,

Lápis Azul e Branco




1 comentário:

  1. luizao pode entrar ja na equipa principal, o mais maduro dos Bes, nervoso mas sempre no sitio certo a defender e a atacar, nao da nas vistas mas e muito eficiente , e forte, rapido e tem tecnica, FALTAVEM NOS 3 MEDIOS A SERIO POIS SO NOS FALTAM 2.

    ResponderEliminar

Diga tudo o que lhe apetecer, mas com elevação e respeito pelas opiniões de todos.